quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Câmara de Estarreja vai gastar 13 mil euros em boletim municipal


Fernando Mendonça e Manuel Pinho Ferreira consideram o valor de 13 mil euros manifestamente exagerado face à conjuntura atual, sobretudo, tendo em conta os cortes que a Câmara tem praticado e justificado com a crise económica, nomeadamente nos apoios às coletividades do município, bem como, por exemplo, na aplicação das taxas máximas dos impostos municipais, alegando sempre as dificuldades ditadas por essa mesma crise.


Os vereadores do PS não podem deixar passar em claro esta enorme contradição refletida no custo exagerado da edição do boletim municipal, que tem sido ao longo destes anos, um veículo mais de propaganda do atual poder camarário do que propriamente de informação.

Assim sendo, Fernando Mendonça e Manuel Pinho Ferreira entendem que a Câmara deveria repensar a edição do boletim municipal e adequá-lo a custos mais condizentes com a decência que o atual momento exige, bem como refletir sobre uma nova aplicação destes 13 mil euros no sentido de os distribuir de forma justa, em consonância com os reais e prioritários interesses municipais.