domingo, 15 de março de 2009

NOTA DE IMPRENSA
Sede do PS Estarreja assaltada

Um estranho assalto foi registado na sede do Partido Socialista de Estarreja.
Apenas foi furtado o disco duro e a placa de memória do computador do partido.
Os assaltantes abriram o CPU e retiraram do seu interior o que pretendiam, ou seja, o disco com as informações do partido, deixando ficar tudo o resto, desde o próprio computador, teclado, rato, altifalantes, impressora, fax, televisão e demais objectos que se encontravam no interior da sede.
O objecto furtado continha todos os dados dos militantes do PS e informações do partido, não tendo qualquer valor material.
Na opinião das autoridades que se deslocaram ao local para recolherem vestígios, «quem veio à sede, sabia ao que vinha», não se tratando de um «furto vulgar».
Os criminosos rasgaram também a bandeira portuguesa e deixaram-na no chão, tendo derramado duas garrafas de vinho nos sofás, antes de abandonarem o local.
O Partido Socialista apela a que o disco duro do computador do partido seja devolvido, porque contém informações históricas que considera valiosas e que não vislumbra a quem – que não esteja envolvido na política – poderão interessar.